Cajón del Maipo no verão

Os turistas que vêm ao Chile, geralmente, têm a expectativa de tirar aquelas fotos branquinhas de neve em Cajón del Maipo. No entanto, isso não é possível durante o ano todo. A boa notícia para quem vem fora do inverno é que a experiência naquela região, mesmo sem as montanhas nevadas, é diferente e muito, muito linda.

Poucas pessoas sabem, mas durante o verão é possível seguir pela estreita via que margeia o Embalse el Yeso e adentrar na cordilheira, por cerca de 20 km. É ali, em meio a um cenário lindíssimo, que ficam as Termas del Plomo (não são as Termas de Colina).

Não é preciso dizer que o acesso é difícil e poucas pessoas circulam no local. O ideal é contratar um serviço de agência, com guia experiente e transporte adequado, para fazer uma viagem mais tranquila.

Carros dão passagem ao caminhão de uma mina local de extração de gesso

Fiz o passeio com a agência Indo pro Chile em um pacote que incluiu transporte em jipe 4×4, guia falando português, água, café da manhã, almoço com bebidas e ingresso do parque. Veja como foi.

O roteiro Cajón del Maipo com Termas del Plomo

Partimos de Santiago às 6h45 da manhã. O sol ainda estava saindo de trás das montanhas quando chegamos em Cajón.

Amanhecer em Cajón del Maipo

A primeira parada foi no Embalse el Yeso para fotos (antes fizemos duas paradas apenas para banheiro). Essa represa é propriedade da empresa Águas Andinas. É de lá que sai parte da água de abastecimento de Santiago.

Embalse el Yeso pela manhã

Depois, seguimos adiante até o local conhecido como praia do Embalse. Em outros pontos a gente vê a represa do alto. Lá, ficamos no mesmo nível da água.

A praia do Embalse el Yeso

Foi esse o local do nosso café da manhã, por volta das 10h00.

Café da manhã em meio à natureza

Essa parada é uma delícia. Andar à beira da água transparente, respirar ar puro, tirar fotos lindas e tomar café fresquinho em meio às montanhas… é uma experiência!

Testando a temperatura da água. É fria!

A partir desse ponto o passeio fica ainda mais bonito. Reiniciamos o percurso e continuamos cordilheira adentro.

Parada para fotos a caminho das termas.

Há diversos animais passando, a natureza está praticamente intocada e estar tão próximo às montanhas nos dá uma percepção mais clara de sua imensidão.

Animais selvagens pelo caminho

As termas ficam dentro do Valle del Yeso. A entrada custa 8 mil pesos e já estava incluída no passeio.

Entrada do parque Valle del Yeso

Foi o primeiro ponto de onde pudemos ver montanhas ainda com o pico nevado!

A natureza do Valle del Yeso

O trajeto é lindo. Até rio atravessamos (sem ponte)!

Parque Valle del Yeso

Chegando às termas, fizemos a parada mais longa do dia. Tem bastante lugar para caminhar, um rio de água bem transparente, montanhas para subir e a água quentinha das piscinas termais para relaxar.

Riacho ao lado das termas

Tivemos cerca de 1h30 livre para curtir local antes do almoço. As Termas del Plomo são duas piscinas entre 25 e 30 graus. Não são profundas.

Piscinas termais
Fonte de água termal

Tem vestiário e banheiro para trocar de roupa, com estrutura simples, adequada ao local. 

Vestiário e banheiros nas Termas del Plomo

Eu gostei tanto de estar naquele vale em meio a montanhas gigantes, que as termas acabaram sendo apenas coadjuvantes.

Termas del Plomo

O tempo livre passou voando e logo nosso almoço estava montado. Um churrasco caprichado!

Equipe Indo pro Chile preparando o churrasco da turma

Tinha o famoso choripán (pão com linguiça, muito tradicional no Chile), frango e até picanha, já que o grupo era de brasileiros. As bebidas eram refrigerantes, água, cerveja e vinho. Foi divertido!

A hora boa…

Terminado o almoço, por volta das 15h30, iniciamos o retorno a Santiago.

Fizemos parada uma vez mais para fotos no Embalse, já com o sol mais baixo da tarde, que dá outra cor à paisagem.

Embalse a tarde

O que vestir em Cajón del Maipo

Casaco durante a manhã e fim da tarde

O clima na montanha é sempre difícil de prever. Tem que se vestir em camadas, preparado para frio e para calor, mesmo no verão. Nesse dia deu pra ficar de camiseta a maior parte do tempo, mas pela manhã estava bem fresco.


Vai visitar o Chile no inverno? Veja como é o passeio no Embalse nessa época. Leia o post Embalse el Yeso, em Cajón del Maipo, no inverno.


Clique aqui para conhecer as agências de passeios em Santiago e arredores, parceiras do blog. Testadas e aprovadas!

3 comentários Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s