Vinícolas além do circuito turístico tradicional

Amantes do vinho (ou não) têm infinitas opções de passeios pelas vinícolas chilenas. Se gosta de vinho vai se deliciar e, se não gosta, no mínimo, vai ver lindas paisagens. A Concha y Toro é a opção turística mais popular, acompanhada da Santa Rita, Santa Carolina e Undurraga. Mas, há diversas outras vinícolas na região de Santiago, que nem sempre aparecem nos roteiros turísticos e que valem demais a visita. Veja uma seleção delas, e monte seu roteiro de enoturismo!

Leia também os posts Valle de Colchagua para amantes de vinhos Santa Cruz: um roteiro romântico próximo a Santiago.

Viña Aquitania

Aquitania, vinícola em Santiago
O mirante da vinícola Aquitania tem uma vista linda para a Cordilheira

A vinícola Aquitania fica dentro da cidade, é fácil de chegar e é linda. Me senti em um oásis em meio à urbanização. Os tours são feitos em pequenos grupos, somente com reserva prévia, pela Bárbara, que foi mesmo bárbara, tornando nossa visita especial. As informações em português, espanhol ou inglês foram transmitidas de uma maneira divertida e envolvente.

Por ter sócios franceses (apenas um deles é chileno), os vinhos são produzidos com técnicas daquele país. Provamos ótimos vinhos no tour Premium, que inclui a pedra preciosa da vinícola Aquitania, o vinho Lazuli.

Dica: dá para combinar a visita à Aquitania, com a vinícola Cousino Macul (veja abaixo) e depois ir até o Templo Bahai para ver o pôr do sol! Ou ainda, visitar o templo Bahai antes das vinícolas. Ficam todos na mesma região.

Produção anual: 180 mil garrafas

Informações e reservas: https://aquitania.cl/enoturismo/

Endereço: Av. Consistorial 5090, Peñalolén, Región Metropolitana

Viña Cousiño Macul

Tour e degustação harmonizada com queijos na vinícola Cousino Macul, em Santiago
Tour e degustação harmonizada com queijos na vinícola Cousino Macul

Quando visitamos a vinícola Cousino Macul escolhemos fazer o tour Premium, que inclui uma degustação harmonizada com queijos. Ou seja, a cada vinho degustado fomos sendo instruídos sobre o melhor tipo de queijo e frutas secas para fazer a combinação perfeita. Foi bem divertido e interessante sentir toda a mudança do vinho na boca antes e depois de cada belisco!

Durante o passeio estava sendo produzido o vinho Lota (ícone da vinícola), então, pudemos experimentar a uva superdoce, que estava sendo separada manualmente.

A Cousiño Macul é uma das vinícolas mais antigas do Chile, o que pode ser observado em sua arquitetura.

É fácil de chegar, pois, assim como a Aquitania, também fica na área urbana.

Vinícola Cousino Macul em Santiago
Tradição na vinícola Cousino Macul

Informações e reservas: https://www.cousinomacul.com/tours/

Endereço: Av. Quilín 7100 Peñalolén, Santiago

Viña El Principal

O aconchegante mirante da vinícola El Principal, na região de Santiago
O aconchegante mirante da vinícola El Principal

A vinícola El Principal fica cerca de 1h15 da cidade e tem um visual incrível do mirante. Além das parreiras, há também plantação de nogueiras, que eu nunca tinha visto ao vivo e em cores.

Os tours privados, ou em grupos pequenos, acontecem sempre mediante reserva. Fomos no inverno, então as plantações estavam secas. Mesmo assim, é tão bonito que saímos de lá já querendo voltar em outra época para ver uma paisagem diferente.

É uma vinícola de porte menor, com vinhos de excelente qualidade e onde se vê um cuidado especial por onde se passa. A iluminação das áreas, a sala de degustação, o cuidado com a marca, tudo bem pensado.

Da segunda vez, fomos em um grupo maior para experimentar o “asado campestre” servido no mirante, com empanada, diversas carnes, saladas, sobremesa e… vinho, claro.

Churrasco campestre na vinícola El Principal
Churrasco campestre na vinícola El Principal

Mesmo com mais pessoas no grupo, a Alexandra conseguiu dar um tom bem personalizado ao tour e todos saímos felizes da vida. Essa vinícola não é a de mais fácil acesso, mas vale cada quilômetro da viagem!

Produção anual: 180 mil garrafas

Site: https://www.elprincipal.cl/

Endereço: Casilla, 420 Pirque, Santiago

Leitores do blog têm desconto no valor dos tours! Basta solicitar sua reserva pelo formulário abaixo (aguarde confirmação). 

Alyan Family Wines

A bodega impecável da vinícola Alyan, em Santiago
A bodega impecável da vinícola Alyan

Essa vinícola charmosíssima, que fica em Pirque, começou a realizar visitas com degustação em novembro de 2018. A propriedade é um arraso em cada detalhe. Os donos fazem questão de dar um oi aos visitantes esbanjando simpatia. Literalmente, abrem as portas de sua casa.

No tour, você tem a oportunidade de conhecer a área de piscina (em formato de uma garrafa de vinho), de sentar tranquilamente no jardim apreciando um bom Chardonnay, ou ainda, de conhecer uma gigante barrica que foi transformada em Wine Bar. Isso é só o começo, acreditem!

Bodega da vinícola Alyan, em Santiago
Charme em cada detalhe

É uma experiência de enoturismo completa e deliciosa. Eu gostei demais e recomendo!

Informações e reservas: https://alyanwines.com/home-us/

Viña Haras de Pirque

A Haras de Pirque fica na mesma região da El Principal, uma hora distante de Santiago. De donos italianos, que adoram cavalos, essa vinícola tem o formato de uma ferradura.

A vista é lindíssima e tem ambientes especiais. Olhem o chafariz na foto seguinte. O chão translúcido e lá embaixo fica a sala de degustação, iluminada naturalmente.

Jardim da vinícola Haras de Pirque, em Santiago
Embaixo do chafariz com chão de vidro está a sala de degustação

Na vinícola fica o restaurante Hussonet. Fica como opção para quem quiser almoçar e fazer um passeio mais completo, mas precisa reservar.

Informações e reservas: https://www.harasdepirque.com/tours

Endereço: Fundo La Rochuela – Camino Macul s/n, Pirque

Dica legal:

No caminho de volta, de Pirque para Santiago, próximo às vinícolas, fica o Mercado Origen.

Tem muitos produtos orgânicos, mel, ovos, verduras, geleias, sorvetes, conservas, pães e até artesanatos. É uma inciativa da Fundación Origen e do Ministério da Agricultura, para impulsionar o comércio de produtos locais, de produção familiar.

Tudo o que compramos lá estava uma delícia e parte da renda é usada em benefício da fundação. Vale uma paradinha!

"Mercado Origen" incentiva o comércio de pequenos produtores locais
“Mercado Origen” incentiva o comércio de pequenos produtores locais

Endereço: Calle Virginia Subercaseaux 2450, Pirque (fica a 5 minutos da vinícola Concha y Toro).

Viña Odfjell

Pátio da vinícola Odfjell
A Odfjell quer se tornar uma das melhores produtoras de vinhos orgânicos do mundo

Esse nome difícil tem origem norueguesa. É o sobrenome de seu fundador, Dan Odfjell, que se encantou pelo Chile e veio produzir vinhos por aqui. Que sorte a nossa! Suas vinhas são 100% orgânicas e nos anos recentes passaram a adotar a agricultura biodinâmica na produção.

Outra coisa interessante é que 60% da vinícola está subterrânea, o que otimiza a utilização de energia no resfriamento dos ambientes e impacta no produto final, visto que a gravidade evita a agitação desnecessária do vinho preservando as características mais delicadas da fruta.

Adoramos experimentar os vinhos orgânicos especialmente escolhidos pelo Tomás, que nos atendeu em português e explicou tudo com muita simpatia. A viña tem uma vista maravilhosa para fotos e uma arquitetura supermoderna.

Produção anual: 700 mil garrafas

Informações e reservas: https://odfjellvineyards.cl/es/visitas/

Endereço: Camino Viejo a Valparaíso 7000, Padre Hurtado, Santiago.

Viña Perez Cruz

Linda rua de acesso à vinícola Perez Cruz
Linda rua de acesso à vinícola Perez Cruz

Já fomos conquistados pela beleza do local logo na entrada: uma via de terra que é quase um túnel de árvores. Estava lindo. Fizemos o tour Liguai, com o Clemente. Como fomos em época de poda e ele é viticultor, tivemos o privilégio de conhecer detalhes sobre as diferentes possibilidades de corte das parreiras e de como, desde essa fase, o processo já impacta na qualidade do vinho.

Quanto menos gemas são deixadas na planta, melhor a qualidade do vinho produzido com seus frutos. Quer entender o porquê? Faz uma visitinha.

A vinícola tem uma arquitetura diferenciada, projetada para otimizar a utilização de recursos naturais e também adota processo produtivo gravitacional.  É um pouco mais afastada do centro urbano, mas vale muito a pena o passeio!

Produção anual: 1,2 milhão de garrafas

Informações e reservas: https://www.perezcruz.com/turismo/

Endereço: Fundo Liguai de Huelquén s/n, Paine.

Onde ficam as vinícolas

Mapa de vinícolas próximas a Santiago, no Chile
O mapa da mina

Experiência sensorial

Recentemente fomos conhecer o Vinolia, no bairro Vitacura – Santiago. A proposta é muito diferente e interessante. O local tem a sala dos sentidos onde os participantes circulam entre dezenas de aromas que podem ser encontrados nos vinhos. Descubra se você é bom de olfato.

Seguindo a visita, a próxima sala é um cinema interativo onde acontece uma degustação real (oba!), apresentada virtualmente. São cinco vinícolas de uma região escolhida previamente, entre Maipo, Colchagua ou Casablanca.

Cine Vinólia
Sala de cinema do Vinolia. Foto: Vinolia

No telão, enólogos de cada vinícola explicam sobre seu vinho e orientam a prova de cada um deles. Tem duração de mais ou menos uma hora.

Já conhecemos duas regiões e logo voltaremos para a terceira! Os filmes são de excelente qualidade e transmitem de maneira muito clara as informações básicas das vinícolas parceiras.

*Os dados de produção anual de vinhos foram informados pelas vinícolas.

(Post atualizado em 21 de setembro de 2019)

2 comentários Adicione o seu

  1. Chileando disse:

    Oi Juliana! Eu fui de carro próprio. O inconveniente é que alguém precisa ficar sem beber. Uma opção é contratar um transfer ou táxi.

  2. juliana disse:

    Olá, quero muito conhecer a Odfjefell, como vc foi até lá> conhece alguém que leve<
    obrigada

Deixe sua dúvida ou comentário!